Descubra o que são iscas digitais: 04 exemplos práticos

Certamente você interessou-se por um conteúdo ou um material enquanto navega despretensiosamente pela internet, não?

Aquele conteúdo que você estava procurando não “apareceu” milagrosamente em sua tela. Parece que foi só por coincidência. Mas acredite, tudo foi pensado nos mínimos detalhes.

E se você por acaso clicou no material que surgiu a sua frente, é porque realmente a estratégia funcionou. Esse pequeno milagre tem nome e, digo mais, você também pode implementá-lo ao produto/serviço. Elas são conhecidas como iscas digitais e são fundamentais em uma estratégia de Inbound Marketing.

Vamos conversar um pouco mais sobre isso!

O que são iscas digitais?

 A isca digital é uma excelente ferramenta que tem como objetivo converter seu lead, além de, também, cativar e instigar para, enfim, criar um relacionamento a longo prazo com o seu público alvo ou comunidade envolvida.

O intuito é simples: Ampliar a sua autoridade, fazendo de você uma referência no assunto e fidelizar a sua audiência.

É sempre importante ressaltar que o material usado como isca digital é de graça e não deve ser comercializado.
Um exemplo clássico: Disponibilizar um vídeo ensinando a resolver uma determinada tarefa do seu público alvo.

O seu futuro cliente não precisa pagar nada, apenas deixar o email de cadastro. Pronto! O peixe mordeu a isca!

04 dicas para criar iscas digitais

A principal função das iscas digitais é gerar demanda e, consequentemente, criar oportunidades de negócios. Abaixo estão algumas maneiras de atrair seu público alvo que separamos para você:

E-books

Essa pode ser considerada uma das melhores e mais clássicas ferramentas deste tipo.

O ebook funcionou e segue funcionando muito bem. Com ele é possível se aprofundar em um determinado tema, coisa que provavelmente você não conseguiria em apenas um blog post. O que acha de aprender mais sobre Inbound Marketing? Leia sobre o assunto do O Cara do Marketing e veja na prática como funciona um e-book!

Webinars

Este é um formato bastante comum para propagação de conteúdo. Seu custo é relativamente baixo, afinal, é somente o uso da voz.

Essa ferramenta pode ser considerada a mais pessoal, se aproximando do seu potencial cliente. Você precisa somente de um microfone e um computador. Porém, é importante ressaltar que um trabalho mais profissional faz toda a diferença.

Templates

Os templates são, resumidamente, modelos pré fabricados para serem usados em qualquer tipo de contexto: Planilhas, apresentações ou conteúdos que facilitem um determinado trabalho. Eles têm um grande apelo devido ao seu valor prático.

Séries de conteúdos (trilha de emails)

Já pensou em fisgar seu consumidor através de uma programação de conteúdos? Essa é uma das mais populares formas de iscas digitais, pois a oferta tende a ser ótima.

Duas maneiras excelentes são: os vídeos e os materiais por e-mails. O alcance desse tipo de alternativa é enorme.

Dica de ouro: Landing pages 

Uma dica que vale ouro, literalmente, é investir em Landing Pages. Essas páginas de conversão podem ser a chave para atrair mais clientes.

O fato é que você precisa criar uma Landing Page que transmita segurança ao consumidor, ele precisa estar ciente de que seus dados não serão utilizados de forma indevida.

Essa página também necessita mostrar que o seu conteúdo é realmente relevante, garantindo assim que essa pessoa se torne um potencial cliente do seu produto ou serviço!

Agora que você sabe o que são iscas digitais, está na hora de começar a pensar nas suas! O que acha de começar agora a sua estratégia?

Não sabe por onde começar? Faça o Curso de 09 dias do O Cara do Marketing! São 09 e-mails curtos, um por dia, com orientações de como começar agora sua estratégia!

Sobre autor Veja todos os artigos Autor website

Marcelo Sales

Publicitário, designer, palestrante e especialista em mídias sociais. Atuo como Consultor em Marketing Digital, auxiliando pequenos negócios e startups a se posicionarem de forma estratégica na web.