04 erros comuns dos iniciantes em Inbound Marketing

O Inbound Marketing continua ganhando vários adeptos com o decorrer dos anos e já é uma das principais estratégias de marketing mais consolidadas no mundo. Aqui no Brasil, no entanto, ainda existe muito espaço para crescer.

Veja só: das empresas especializadas em tecnologia, 55,78% trabalham com geração de leads Inbound enquanto 44,22% continuam investindo no modelo outbound. Apesar da baixa implantação, o assunto está cada dia mais em pauta e ganha espaço no budget das empresas. Afinal, além de ser mais barato e economizar dinheiro, o Inbound constrói confiança, audiência e promoção da marca em longo prazo

Por isso que o assunto ganha força e todos os dias pipocam agências especializadas sobre o tema. Ainda estamos naquele momento em que todos têm pressa em aprender sobre essa estratégia e colocá-la em prática.

O que acontece na maioria das vezes é que essa euforia em aderir ao Inbound Marketing, aliada à falta de orientação e prática, resulta em muitos erros. Por isso, esse post pretende listar quais são os principais erros e quais são as melhores orientações para não cometê-los.

04 principais erros dos iniciantes em Inbound Marketing

1) Não planejar nem documentar sua estratégia

Existe sempre um grande risco de começar as ações de Inbound Marketing sem planejá-las adequadamente. Apesar de existir um lema difundido no empreendedorismo de “melhor feito do que perfeito“, aqui realmente não adianta começar as coisas de qualquer jeito.

Antes de começar produzindo conteúdo desesperadamente, é importante traçar as metas, os objetivos e quais caminhos podem ser trilhados para atingir esses objetivos. Planeje o que será executado e depois, amarre as pontas. A ações devem estar alinhadas em nome de uma estratégia de Inbound sólida e eficaz.

2)  Não traçar suas personas

Definir as personas é uma das principais questões dentro do Inbound Marketing. Todas as ações e planos são baseados no perfil específico do público-alvo. Por isso que é importante trabalhar as personas com afinco. Trace uma de cada vez e direcione toda a sua atenção para esse processo.  Também é fundamental fazer pesquisas com seus clientes atuais: monte questionários e entreviste-os! Outra dica importante é recolher informações com a sua equipe. Também é importante reavaliar as suas personas depois de algum tempo e sempre aprofundar seus conhecimentos cada dia mais.

3)  Não criar conteúdo de qualidade

O conteúdo é o que faz a máquina do Inbound se movimentar. Por isso não adianta nada baratear custos e não investir em uma produção de conteúdo sem qualidade nem relevância. Os resultados apenas aparecerão se todas as peças forem elaboradas e direcionadas para as suas personas. Além disso, é importante ter uma certa regularidade e manter a frequência na publicação. Ter um calendário editorial de qualidade para seu blog e redes sociais é primordial para que sua estratégia Inbound funcione!

4) Tecnologia e automação não farão tudo por você

Muitas pessoas pensam “é só contratar uma ferramenta que vai fazer tudo por nós”. Pensar assim é, na verdade, um grande erro. O Inbound Marketing não é apenas automação. É estratégia sólida, profissionais qualificados, objetivos concretos, comprometimento, produção de conteúdo relevante, relacionamento, análise… A tecnologia funciona apenas como um meio para executar o planejamento. Se as metas não forem corretamente traçadas, se não forem analisadas, aprimoradas, se não existir qualidade nem consistência de nada vai adiantar ter as melhores ferramentas do mercado à sua disposição.

Gostou do conteúdo? Aproveite e assine a nossa newsletter!!

Sobre autor Veja todos os artigos Autor website

Marcelo Sales

Publicitário, designer, palestrante e especialista em mídias sociais. Atuo como Consultor em Marketing Digital, auxiliando pequenos negócios e startups a se posicionarem de forma estratégica na web.