4 coisas que Inbound Marketing e vinho possuem em comum

Se você me conhece, sabe que eu amo vinho. E marketing. Enquanto degustava uma ótima taça de um Carménère chileno, tive um insight: na verdade, vinho e Inbound Marketing possuem muito em comum.

Existe uma mistura única de ciência e criatividade na produção de vinho. É preciso combinar técnicas apuradas com uma boa dose de inovação. E isso tudo é bastante semelhante ao Inbound Marketing.

Ambos têm uma base, um processo e uma meta final – mas há muitas variáveis e cada elemento determina a jornada e o fim.

Além disso, ambos são processos extraordinários que resultam em coisas extraordinárias: uma fina garrafa de Cabernet Sauvignon ou uma planilha repleta de leads prontos para realizar uma compra na sua empresa.

Quer entender melhor a relação entre vinho e Inbound Marketing? Então vamos lá!

4 semelhanças entre vinho e Inbound Marketing

1. Existem etapas claras para guiá-lo

Você já pesquisou sobre o processo de produção de vinho? Aqui nesta imagem do blog Vinumday você pode ter uma ideia de como as uvas são transformadas nas garrafas de vinho que chegam na sua mesa:

Felizmente, existe uma série de etapas que podem guiar o processo de produção. Respeitando essa lógica, será possível obter bons resultados.

Com o Inbound Marketing ocorre da mesma forma. São quatro etapas guiam suas ações:

  1. Aprendizado e descoberta: As pessoas sentem dores mas não sabem identificá-las. Nessa primeira etapa, a ideia é criar conteúdos de atração – ou seja – que chamem a atenção dos seus possíveis clientes.
  2. Reconhecimento do Problema: Depois de atrair a atenção do potencial cliente e despertar a curiosidade para um problema, chega a etapa de ajudá-lo a reconhecer exatamente qual a sua dor. A pessoa precisa sair dessa etapa com um nome para o seu problema.
  3. Consideração: Aqui, o prospect já sabe nomear a sua dor e precisa saber quais são as soluções existentes. A ideia é produzir conteúdos que indiquem possíveis caminhos que possam ajudá-lo.
  4. Decisão de compra: Nesta última etapa da jornada do comprador, a pessoa já decidiu qual a melhor solução e está maduro o suficiente para tomar uma decisão. Chegou a hora de mostrar para o cliente que a sua empresa é a melhor opção.

Essas etapas são implementadas para ajudar a tornar o processo mais simples. Sem um guia claro, pode ser fácil se perder no processo, deixando você se perguntando: “o que eu faço a seguir?”.

2. Você deve monitorar o processo de perto

No processo de produção do vinho, é preciso prestar muita atenção aos diferentes processos pelos quais a uva passa até se transformar na bebida.

Se algo pequeno der errado em alguma das etapas, será preciso adicionar uma ou duas etapas adicionais para resolver o problema. E, nos piores casos, um erro pode comprometer toda a produção.

Por isso, é fundamental acompanhar o desempenho de cada uma das etapas do processo. Tudo deve funcionar corretamente para que os resultados sejam satisfatórios – assim como ocorre no Inbpund Marketing.

Todas as etapas são essenciais para os resultados. De nada adianta ser super eficiente na atração do público se você não consegue transformá-lo em leads para fazer a nutrição. É preciso que todo o mecanismo esteja alinhado.

Para isso, é fundamental monitorar os resultados de cada uma das ações. Sem o monitoramento, talvez você precise adicionar tarefas extras e desnecessárias para compensar a falta de progresso. Por outro lado, acompanhar os resultados permite que você identifique o que está funcionando, o que não está e como seu trabalho está contribuindo com as metas de marketing.

3. É um processo longo

A fabricação de vinho é um processo muito longo – mas não é tão diferente do Inbound Marketing.

Todo o processo para que você tenha uma garrafa de vinho em mãos pode levar semanas ou meses. Da mesma forma, o Inbound Marketing não acontece de um dia para outro, mesmo que você realmente queira.

Na verdade, o Inbound Marketing requer um trabalho constante. Se você deseja que seus esforços de marketing sejam bem-sucedidos, você deve:

  • Encontrar o público e a plataforma certos para o seu conteúdo.
  • Criar uma estratégia de conteúdo para criar autoridade nas classificações dos mecanismos de pesquisa.
  • Escrever e publicar conteúdo direcionado às personas e aos vários estágios da jornada do comprador em que residem.
  • Criar ferramentas para promover o envolvimento com sua marca, desde fluxos de leads e bots de conversação até campanhas de marketing por e-mail.
  • Criar conteúdo para manter os visitantes voltando para obter mais informações, fornecendo novas informações constantemente.

Essa lista poderia continuar indefinidamente, mas você entendeu a mensagem, não é?

Inbound Marketing é sobre encontrar seu nicho, atingir as pessoas certas no momento certo e encantá-las com seu conteúdo informativo – garantindo suporte contínuo de suas equipes de vendas.

4. Mas no final, é muito gratificante

No Inbound Marketing, ver todo esse trabalho duro ganhar vida é uma experiência gratificante. Você pode acompanhar seu planejamento se transformar em acessos, leads qualificados e clientes satisfeitos – construindo uma marca de sucesso.

No entanto, você não pode realmente apenas sentar e assistir os resultados chegarem. Quando você termina de produzir uma garrafa de vinho e senta para degustá-la, é preciso começar a pensar no próximo processo de produção. Caso contrário, em pouco tempo você já estará com sua adega vazia.

Ou seja, você não para por aqui. Como a fabricação de vinho, o Inbound Marketing é um processo repetitivo que continua a crescer. Se você quiser mais vinho, não pode parar o processo de fabricação depois que seu primeiro lote estiver concluído.

Se você deseja expandir seus negócios e alcançar clientes mais qualificados, seus esforços não podem ser interrompidos. Eles devem ser repetidos e alterados para atrair ainda mais leads e nutri-los para convertê-los em clientes.

Está preparado para investir no Inbound Marketing?

Neste artigo aprendemos que vinho e Inbound Marketing realmente têm algumas coisas importantes em comum.

Ao criar uma estratégia de Inbound Marketing, considere quais etapas são mais importantes para implementar, quais etapas você precisa monitorar de perto para garantir que seus esforços sejam bem-sucedidos e quanto tempo você planeja dedicar à sua estratégia.

Embora isso leve tempo, a recompensa que você recebe dos seus negócios em crescimento valerá a espera. Um brinde a isso!

E se você quer aprender um pouco mais sobre a metodologia do Inbound Marketing, pode acessar este guia gratuito!

Garanta resultados consistentes na internet!

Explorar uma estratégia eficiente de Inbound Marketing é uma ótima forma de ganhar relevância na internet e transformar seus esforços em resultados. Porém, é fundamental estar atento a todos detalhes que envolvem a execução dessa estratégia – incluindo um bom planejamento e uso correto das ferramentas disponíveis.

Para ajudá-lo a extrair o melhor da sua empresa no mundo digital, eu criei o Programa de Mentoria do Cara do Marketing. Trata-se da oportunidade de contar com o auxílio de um profissional com anos de experiência e vai ajudá-lo a aproveitar as melhores oportunidades.

Está preparado para garantir os melhores resultados? Então faça sua aplicação no Programa de Mentoria do Cara do Marketing e vamos brindar com uma taça de vinho o seu sucesso!

Sobre autor Veja todos os artigos Autor website

Marcelo Sales

Publicitário, designer, palestrante e especialista em mídias sociais. Atuo como Consultor em Marketing Digital, auxiliando pequenos negócios e startups a se posicionarem de forma estratégica na web.